238

242

Perguntas a serem feitas quando seu filho conclui o tratamento

Sobre o tratamento

  • Com quem devemos conversar para obter um registro detalhado dos tratamentos e remédios que nosso filho recebeu durante o tratamento?

Sobre medidas práticas para ter em casa

  • Quais problemas de saúde com nosso filho devemos estar cientes?
  • Com quem devo entrar em contato se ocorrerem problemas de saúde?
  • O meu filho precisa continuar tomando algum remédio? Se sim, por quanto tempo?
  • Quais tipos de atividades podem ajudar meu filho? Alguma atividade não é recomendada?
  • Quais vacinas meu filho deve tomar? Quando elas devem ser dadas?

Sobre cuidado de acompanhamento (cronograma e programa)

  • Com quem devo conversar para ter um plano de acompanhamento e cronograma para meu filho?
  • Quais especialistas médicos meu filho deve ver para acompanhamento?
  • Quais exames serão realizados durante as visitas de acompanhamento? Com que frequência e por qual motivo?
  • Onde meu filho deve ir para visitas de acompanhamento?
  • Qual é o cronograma para essas visitas?

Sobre possíveis efeitos colaterais a longo prazo e/ou tardios

  • Meu filho está em maior risco de ter efeitos colaterais a longo prazo? Se sim, quais e como eles podem ser administrados?
  • Meu filho está em maior risco de desenvolver efeitos tardios mais tarde na vida? Se sim, quais? Qual a probabilidade de que eles ocorram? Quanto tempo após o tratamento eles podem ocorrer?
  • Qual tipo de especialistas meu filho deve se consultar para administrar esses efeitos?

Sobre apoio e lidar com a situação

  • Quais grupos de apoio aos sobreviventes estão disponíveis para meu filho? E para nossa família?
  • Quais são os benefícios para o meu filho de receber aconselhamento profissional? Isso é algo que você recomendaria para meu filho? Por que ou por que não?

ESTE ARTIGO TE AJUDOU?